blockbr-logo-bc
Pesquisar
Close this search box.

Qual é o potencial da web 3.0 no Brasil?

Qual é o potencial da web 3.0 no Brasil?

Qual é o potencial da web 3.0 no Brasil?

Estamos chegando a uma nova era da internet que promete ser a mais transformadora em termos de conceitos e práticas, baseados na disruptura da blockchain, da tokenização e das criptomoedas. Como em todo o mundo, muito se especula como será a web 3.0 no Brasil.

A verdade é que a internet da terceira geração tem como fundamento romper com o controle que as big techs exercem sobre os conteúdos, além do uso irrestrito – e por muitas vezes antiético – para as suas estratégias e mercado.

O modelo de uma web descentralizada ganha força também na medida em que mecanismos com a mesma natureza mostram ótimos desempenhos nas economias globais e vencem a resistência dos setores financeiro e bancário.

São vitórias importantes e certamente essas tecnologias serão a base tecnológica na nova web.

A terceira web é um tema que move todo o interesse da BLOCKBR, uma empresa nativa web 3.0 e com a visão de futuro social e econômico pautada nas transformações que abrirão caminhos para todos os negócios e grupos sociais!

O QUE É A WEB 3.0

A web 3.0 ou web da terceira geração é uma nova fase da internet marcada por grandes mudanças na forma como iremos lidar com as informações geradas em termos de propriedade e liberdade de uso, fundada em:

  • Descentralização: as informações deixam de ser custodiadas por grandes empresas de tecnologia e mídias sociais;
  • Menor ou nenhuma dependência das big techs para a produção e a disseminação de conteúdos;
  • Poder dos usuários sobre a própria produção;
  • Pouca ou nenhuma mediação ou monitoramento das publicações e das interações entre usuários;
  • Uso de recursos financeiros não controlados pelo Estado e sem intervenção e tarifação de instituições financeiras;
  • Serviços financeiros até então oferecidos exclusivamente pelos bancos.

Como podemos ver, a construção e o desenvolvimento da web3 passam pelas presenças relevantes de tecnologias disruptivas que já estão em pleno funcionamento entre nós.

De uma forma resumida, podemos dizer que caminhamos para uma internet mas mãos de quem cria, com todas as oportunidades na web 3.0 e os riscos que isso representará.

Tokenização de FIDC: Digitalização de ativos no mercado de crédito!

PRINCIPAIS PREMISSAS DA WEB 3.0

DESCENTRALIZAÇÃO

O surgimento das criptomoedas é o fato divisor na discussão sobre a descentralização – os dados não são controlados por uma entidade central e sequer são armazenados em um único servidor.

Eles existem em todos os computadores de uma blockchain e as movimentações são validadas por provas de consenso e contratos inteligentes, que impedem a duplicação de um dado.

Esse modelo de bancos de dados distribuídos se diferencia, por exemplo, dos saldos disponíveis em contas correntes, que são controlados pelos servidores dos bancos.

Esse princípio de descentralização está no centro da infraestrutura da web 3.0 – em vez de os dados estarem em endereços fixos (os HTTP) e armazenados em servidores de serviços, serão gerados em blockchains e armazenados em vários locais simultaneamente.

A descentralização quebra o poder das big techs, que ficam sem o controle e o acesso aos dados que trafegam em suas plataformas e que usam de forma inadvertida e sem a garantia de que estão em um ambiente realmente seguro.

CONFIANÇA DIRETA

As aplicações web 3.0 estarão em blockchains ou redes descentralizadas peer-to-peer – diretamente entre usuários e sem instância de monitoramento e moderação. As pessoas terão ampla liberdade para produção de conteúdo.

Se por um lado, é uma transformação importante para conteúdos de relevância e convenientemente bloqueados (censura ou interesses econômicos ou políticos) por uma moderação sejam vistos, existe a preocupação com o aumento dos discursos de ódio e perseguição e do incentivo a crimes.

Conheça mais vantagens de investir em tokens!

BLOCKCHAIN

Será o principal veículo tecnológico para os paradigmas da web 3.0 por se tratar de um ambiente em que a descentralização e a distribuição de dados são fundamentos básicos para o funcionamento.

Ela é um banco de dados compartilhado de infinitas dimensões, onde a produção de informações é protegida por criptografia de alto nível e um sistema de encadeamento de informações (a cadeia de blocos) que confere máxima proteção.

Nenhum outro ambiente, portanto, é mais propício ao desenvolvimento de conteúdo na web 3.0.

É na blockchain que são processadas todas as demais inovações tecnológicas que vão dar suporte à nova internet – criptomoedas, tokens de negócios, DeFi e as aplicações descentralizadas (dApps).

PREMISSAS DA WEB 3.0

TOKENIZAÇÃO

A tokenização será fundamental no desenvolvimento das relações de negócios na web versão 3, pois dispensa, na grande maioria dos segmentos, os mecanismos de validação de confiança (governos, bancos, órgãos reguladores) que nós conhecemos atualmente.

Estima-se que, em 2030, teremos 10% do PIB mundial tokenizado.

É um ecossistema para negócios com um potencial muito grande para empresas que vão migrar para a descentralização da web, combinando comércio online e bens, produtos e serviços tokenizados, como os utility tokens e os tokens super estruturados.

CENÁRIO DA WEB 3.0 NO BRASIL

O Brasil é considerado um dos países com maior potencial de crescimento da web 3.0 em razão do crescimento exponencial dos mercados de criptoativos – criptomoedas e tokens de negócios.

Estudos apontam o país como a maior região quando o assunto é a adoção dos criptoativos, além do fato de que o Brasil deve ter a liderança no mercado de tokenização já a partir de 2023.

Somos um país com a tradição de busca pelas inovações tecnológicas na sociedade e nos negócios. Alguns fatos mostram esse destaque.

FATORES QUE DESTACAM O BRASIL NA WEB 3.0

  • Fortes investimentos em web3 e blockchain;
  • Um dos maiores países no investimento em tokens nas diversas categorias, notadamente os security tokens e os tokens estruturados;
  • 4 horas diárias em média por pessoa navegando em redes sociais;
  • 75% dos brasileiros usam internet diariamente;
  • Um dos maiores mercados online do mundo.

Outro aspecto importante é a participação crescente do Estado e do sistema financeiro brasileiro no fomento e no desenvolvimento de iniciativas com as novas tecnologias.

Veja como o BACEN e os bancos comerciais estão lidando com a tokenização!

CRIE UMA CONTA COM A BLOCKBR!

Comprar token de ativos, direitos e serviços será rotina na web 3.0 e você pode começar a ganhar agora!

Existem diversas ofertas de tokenização com ótimos prazos e remunerações, para investidores que estão começando, é possível investir com 50 reais e montar uma carteira sólida.

Basta abrir uma conta na BLOCKBR, conhecer o nosso marketplace de tokens e você se torna um investidor pronto para os ganhos com a web da terceira geração!

BLOCKBR Digital Assets é uma fintech nativa web 3.0 que une inovação tecnológica e o conhecimento digital para transformar ativos físicos em digitais, no processo de tokenização.

A oferta de ativos tokenizados é democrática e descentralizada, o que torna a forma de investir segura, mais simples e mais eficiente.

Viabilizamos, estruturamos, emitimos e fazemos a oferta de tokens em nossa plataforma e fora dela. Esteja ciente que tokens dependem de viabilidade e fatores regulatórios.

Você quer tokenizar seu negócio ou parte dele? Tem uma solução de negócio e faz sentido emitir seu próprio token?

Compartilhe esse conteúdo

Você pode gostar também